Quanto gastar na Ilha de Páscoa

By | May 25, 2013 at 2:05 am | 3 comments | Cuba, Mundo, Posts quentes | Tags: ,

Com uma legião de brasileiros invadindo a ilha após uma promoção da Lan/Tam, a pergunta que eu mais tenho ouvido recentemente é “quanto eu vou gastar em uma viagem para a Ilha de Páscoa?”. Eu mesmo me fiz essa pergunta algumas vezes antes de viajar. Como sempre, a resposta é um belo e sonoro “depende”. Você pode fazer uma viagem econômica (como no meu caso), ficando em albergue e cozinhando por lá ou ficar no melhor hotel da ilha e comer fora todos os dias. Sendo assim, vou listar os preços das coisas por lá, para que cada um possa moldar a sua viagem de acordo com a sua voracidade. Mas antes, uma explicação. Tudo na Ilha de Páscoa é caro. Afinal você está em uma ilha onde a civilização mais próxima fica a pelo menos 3 mil kms. Tudo lá chega de barco ou, mais comum, de avião. Na minha viagem de seis dias por lá, gastei uns US$ 500, mas não paguei hotel (graças a uma parceria entre a Rede Brasileira de Blogueiros de Viagem e a Hostelling International), dividi o aluguel do carro com mais três amigos, não contratamos tours, comemos pouco em restaurantes e abusamos das empanadas para nos manter alimentados.

Para ter uma ideia dos valores em reais, basta dividir por 231.5, que é a cotação do real para troca na ilha (não que você vá conseguir trocar reais na ilha. Melhor levar dólares ou euros). Vamos aos valores:

Ilha de Páscoa

Jimmy, o valente

Aluguel de carro:
entre 35.000 e 40.000 pesos por um Suzuki Jimmy 4×4 (para quatro pessoas)
Dica: o valor pode baixar dependendo do número de dias que você vai ficar com o carro. Na rua principal, há umas quatro empresas que fazem aluguel. Vale dar uma volta e fazer uma cotação e negociar. Algumas pessoas alugam o carro diretamente de locais, o que pode baratear o preço, mas se o carro der problema, eles não vão ter outro para trocar (o nosso furou o pneu e a empresa trocou rapidamente sem nenhum custo). Não precisa reservar antes de viajar. A frota lá é grande e sempre vai haver carros disponíveis. A dica para economizar aqui é viajar em um grupo de quatro pessoas. Insular Rent a Car

Ilha de Páscoa

Aluguel de bicicleta:
entre 8.000 e 10.000
Dica: não se pode reclamar da qualidade das bicicletas na Ilha de Páscoa. Todas são Canondales, Tracks e GTs com freio a disco, suspensão e em bom estado de conservação. O valor normal é 10.000 pesos por 24 horas, mas você pode alugar mais barato por períodos mais curtos ou conseguir um desconto caso combine com o aluguel de um carro.

Hospedagem:
Albergue – de 15.000 pesos no quarto coletivo a 45.000 por pessoa no privativo. Valores do albergue Kona Tau, da Hostelling International, para não associados da rede. O albergue fica no centro da cidade e oferece wi-fi, café da manhã e transfer do aeroporto.
Hotel – de US$ 100 a US$ 205 no Hotel Gomero (http://hotelgomero.com)
mais de US$ 1.000 no Explora (http://www.explora.com)

Taxi:
2.000 pesos do aeroporto até o centro (cerca de 7 minutos)
Dica: a maioria dos hotéis oferece transfer e nos outros dias você vai estar ou com um carro, ou com uma bicicleta ou com um guia, então os taxis são totalmente dispensáveis.

Ilha de Páscoa

Restaurante:
de 5.000 a 20.000
Dica: um ceviche custa 8.000 em qualquer lugar. Alguns, claro, são melhores do que os outros, mas não adianta procurar mais barato. As empanadas saem a 2.000 pesos. Um refrigrante custa uns 1.500 pesos. Uma refeição completa em um restaurante pode lhe custar uns 20.000 pesos (cerca de R$ 100) facilmente. Se quiser economizar, passe no supermercado em Santiago e leve uma segunda bagagem só com comida para preparar no hotel. Os mercadinhos de lá também são bem caros.

Ilha de Páscoa

Passeios:
Full day tour: US$ 47
Half day tour: US$ 31
Passeio de bote: US$ 72
Cavalgada: US$ 108
Trecking no vulcão Rano Kao: US$ 90
Dica: locomover-se pela Ilha de Páscua é bem fácil, o que exclui a necessidade de se contratar passeios. Os tours só valem a pena se você quiser as explicações de um guia.

Show Kari Kari (dança Rapa Nui):
10.000 pesos

Museu:
1.000 pesos

Entrada no parque nacional:
US$ 60
Dica: você vai precisar do bilhete para entrar em duas das principais atrações da ilha: os vulcões Rano Rarako e Rano Kao. O ideal é comprar a entrada no aeroporto, logo na saída do avião.

Mergulho:
35.000 (mais 10.000 caso queira fotos)
Dica: O valor é bem mais em conta que os mergulhos no Brasil, mas a questão é que o mergulho na Ilha de Páscoa é feito com botes, o que impede que se levem dois cilindros por pessoa. Sendo assim, cada saída rende apenas um mergulho, e não dois como no Brasil.

Ilha de Páscoa

Comprinhas:
10.000 a 15.000 por um moai de pedra de tamanho médio
1.500 por um imã de geladeira
10.000 por uma camisa

Gasolina:
cerca de 500 pesos/litro

 

isla de pascua

3 Comentários

  1. Celina (3 years ago)

    Post de pai! Muito bom! Babei nas fotos durante a viagem e agora devorando os posts. Brigadu!

  2. Ilha de Páscoa, um lugar diferente! | Mochileiro das Maravilhas (3 years ago)

    […] Aninha, minha fiel escudeira que eu queria muito que conhecesse esse lugar. Pedro, carioca autor do blog Sem Destino. Gardênia, do blog As peripércias de uma flor. Aliás, viajantes de plantão, já adianto que os […]

  3. Dan - Muita Viagem (3 years ago)

    Boas dicas! Infelizmente a ilha ainda é um destino um pouco caro para muitos brasileiros, mas podemos dizer que os passeios valem cada centavo gasto.

    A dica é aproveitar mesmo estas promoções que a LATAM vem fazendo para o “umbigo do mundo”.

    Ah, e claro, traga um moai!! =)

Comments

© 2012 Blog Sem Destino. All rights reserved.
css.php
Get Adobe Flash player